segunda-feira, abril 12, 2010

PARCERIA SPN E JMN PARA CRIAÇÃO DO PROJETO DO LABORATÓRIO DE IGREJAS. ANIVERSÁRIO DA IGREJA PRESBITERIANA MEMORIAL DE NATAL

Da esquerda para a direita: Sem. Petrochelle,
Sem. Adagildo, Rev. Marcos César,
Rev. Mariano (JMN),Rev. Eudes (Diretor
do Colégio Presbiteriano Quinze e tesoureiro
da Associação dos ex-alunos do SPN),
Rev. Marcos André (Diretor do SPN) e o
Rev. Edson Dantas (atual diretor do IBN).
Aproveitando a visita dos pastores de Garanhuns que exercem funções nas autarquias da Igreja, o Rev. Mariano Júnior, Vice-Diretor do IBN e Supervisor da Junta de Missões Nacionais para os campos do Nordeste se reuniu com o Rev. Marcos César, professor do SPN de Missões Urbanas e coordenador do “Projeto Laboratório de Igrejas”, com os seminaristas plantadores: Petrochelle e Adagildo e comigo sobre a plantação de duas novas igrejas. Uma na vizinha cidade de Paudalho e outra no bairro da Várzea em Recife. O Projeto Laboratório de Igrejas é uma parceria entre o SPN e a JMN da IPB, e tem por objetivo preparar e treinar obreiros plantadores, além de plantar e consolidar mais duas igrejas da IPB para a glória de Deus.

Sala de reunião da Diretoria do SPN.
Da esquerda para a direita: Rev. Marcos César
(professor coordenador do projeto no SPN);
Rev. Mariano Júnior (Supervisor da JMN);
Sem. Adagildo e sem. Petrocelle, alunos e
prepostos do projeto.
Eu e o Rev. Romeu na entrada da nave do templo
da Igreja Presbiteriana Memorial de Natal.
No último final de semana de fevereiro tive o privilégio de pregar na Igreja Presbiteriana Memorial de Natal. Nas três oportunidades que tive preguei sobre os seguintes temas: (1) O Verdadeiro Evangelho do Nosso Senhor Jesus Cristo, baseado em 1º Coríntios 15.2-8; (2) Qual é a Missão da Igreja, baseado em Mateus 28.18-20; e (3) A Bendita Esperança, da Ressurreição a Transformação num abrir e fechar de olhos, baseado em 1º Tessalonicenses 4.13-18.

Estes foram os eventos que participei no mês de fevereiro deste ano.

Em Cristo,

Rev. Marcos André Marques

Um comentário:

Fazendo Diferente disse...

Rev. Marvos...continui pregando a mensagem reformada! O povo brasileiro precisa ouvir.

LinkWithin