segunda-feira, junho 28, 2010

NOVAS CHUVAS E NOVA ENCHENTE EM PALMARES

Neste instante chove copiosamente na cidade de Palmares. Os apelos são para que os crentes roguem a Deus pelo fim delas, que não só têm dificultado os trabalhos de limpeza e reconstrução, como também, deixam a população em polvorosa, eles que já viveram, a menos de uma semana, um espetáculo de terror.

Alguns e-mails recebidos revelam o medo e a consternação com a situação da Zona da Mata Sul de Pernambuco.

A irmã Ana Maria Prado escreveu: “Vamos orar meus irmãos e minhas irmãs, pois só Deus sabe o que poderá acontecer no interior de Pernambuco com estas novas chuvas”.

O irmão Nildo Júnior escreveu: “É pra orar! chuva forte neste momento - a água chega agora a 1,5 metros de altura e já cobre parte das casas em palmares e região”.

Em conversa telefônica com o Rev. Cephas Jr, pastor da Igreja de Palmares, eles nos relatou que as cenas de horror estão novamente sendo vivenciadas pela população, que já estava se preparando para voltar para casa, após as limpezas preliminares.

A situação, portanto, é de extrema ansiedade. A única coisa que temos que fazer agora é rogar ao único Deus, vivo e verdadeiro, ao qual a natureza e as águas o obedecem.
Aguardem novas postagens.

Em Cristo,


Rev. Marcos André Marques

NOVAS CHUVAS E APELO DO REV. CEPHAS REINAUX JÚNIOR

Neste domingo, as chuvas voltaram a cair com intensidade nos estados de Alagoas e Pernambuco. Enquanto escrevo este texto ouço o barulho da chuva e o ressoar de trovões, através da janela do meu quarto. Minha esposa Jane que está ao meu lado enquanto escrevo, já a quase meia noite, clamou a Deus pedindo misericórdia. A volta da chuva, sem dúvida alguma, atrapalhará os trabalhos que estão sendo feitos na região. Se a situação já era complicada com a volta da chuva fica pior.

A despeito dessa notícia preocupante, devemos continuar regozijados na nossa esperança, Jesus Cristo; pacientes na tribulação, pois Ele está conosco e não nos desampara e, devemos continuar também perseverando em oração, demonstrando assim a nossa dependência do Senhor. Olhando por esse prisma, nos motiva saber que tivemos mais um final de semana no qual as igrejas presbiterianas estiveram reunidas e em todo o Brasil suplicaram a Deus pelas famílias atingidas pelas chuvas e levantaram ofertas em prol dos nossos irmãos desabrigados. Louvado seja o Senhor que tem motivado a cada um dos colaboradores.

Por aqui, podemos afirmar que muitos donativos têm chegado aos diversos postos espalhados pelas igrejas presbiterianas de todo o estado. São alimentos, calçados, roupas, lençóis, colchões, produtos de limpeza e higiene. Já a partir dessa quarta-feira, eles serão remetidos aos pontos de distribuição para os necessitados.

Mais uma vez publicamos os dados da conta corrente específica autorizada pela Igreja Presbiteriana do Brasil, para ajuda em dinheiro, aos irmãos atingidos pelas chuvas:


Ao final dessa postagem, publico um apelo do Rev. Cephas Jr. ao povo presbiteriano para que nós o ajudemos na reconstrução do templo da Igreja Presbiteriana de Palmares, e também na ajuda as famílias presbiterianas de toda a região atingida pelas enchentes. 



Em Cristo Jesus,



Rev. Marcos André Marques

domingo, junho 27, 2010

AS AÇÕES DO PROJETO REPARTIR EM ASSISTÊNCIA AS VÍTIMAS DAS CHUVAS EM PERNAMBUCO E ALAGOAS

As ações de assistência as vítimas das chuvas em Pernambuco e Alagoas, continuam em ritmo acelerado, tanto é que faltou tempo, mas não notícias para que as postagens continuassem no mesmo patamar dos últimos dias.

Nesta postagem, além de um rápido vídeo da palavra do Rev. Jaed, pastor da IP de Barreiros, temos algumas informações de como os trabalhos estão se desenrolando, e quais as nossas necessidades.

A AME (Associação Missão Esperança), já está em Alagoas através da parceria firmada com nosso projeto. O Rev. Felipe da IP Maceió e o Rev. Walter Caetano da IP União dos Palmares-AL, já receberam a primeira equipe da AME. O Major Belmonte, desde a última quarta-feira já está fazendo um levantamento de necessidades na região que envolve: Rio Largo, União dos Palmares, Santana do Mundaú, entre outros municípios alagoanos atingindo pela chuva. Em breve daremos mais detalhes sobre essa equipe.

Nessa segunda-feira, chegam mais duas equipes a Pernambuco. A AME, juntamente com o Projeto Repartir e os irmãos da cidade de Palmares, montarão uma cozinha de campanha, para atender as necessidades básicas de alimentação, para a população e também para aqueles que estão trabalhando na assistência desta. Essa equipe é chefiada pelo Pr. Rodolfo da AME, que além de cozinheiras, traz consigo duas psicólogas, que trabalharão com a população da cidade. Essa equipe tem muita experiência, pois trabalhou na assistência em catástrofes, como o Tsunami, terremotos no Haiti e Chile, além de uma série de outros eventos. Para saber mais sobre esses irmãos dedicados acesse: www.amesperança.com.br.

Também nesta segunda-feira, chega a Recife, o Presidente do CAS/IPB (Conselho de Assistência Social da Igreja Presbiteriana do Brasil), Presbítero Clineu Aparecido Francisco, juntamente com uma representante da assistência social do Mackenzie. Estaremos com eles, percorrendo todo o circuito da catástrofe, nos estados de Pernambuco e Alagoas. O alvo é levantar, de modo objetivo, as necessidades do local, e em que áreas poderemos agir para atender, especialmente, aos domésticos da fé.

Ontem foi um dia "movimentadíssimo" em nosso QG do SPN. Muitas doações chegaram e o trabalho foi imenso de carrego e descarrego.

Estamos necessitando de voluntários para ajudar a recepção, separação, organização, armazenamento e distribuição dos donativos que têm chegado. O número desses ainda é pequeno e por vezes não podemos executar a tarefa com perfeição. Os donativos têm chegado de diversas partes do grande Recife. Graças a Deus há uma mobilização.

Informamos que a grande necessidade que temos hoje é de produtos de limpeza. Desejamos fazer kits específicos para distribuição nos locais afetados, porém necessitamos dos produtos, que não têm chegado em número suficiente neste quesito.

Termino essa postagem, com um pequeno vídeo de pouco mais de um minuto, no qual o Rev. Jaed fala sobre o drama vivido por ele na cidade de Barreiros, onde é pastor.

Em Cristo,
Rev. Marcos André Marques



sexta-feira, junho 25, 2010

FATOS E FOTOS DA CIDADE DE BARREIROS

Nesta tarde conheci o Rev. Jaed Vasconcelos Gomes, pastor da Igreja Presbiteriana de Barreiros, localizadas em uma das cidades mais atingidas pelas chuvas e pelas enchentes.
Embora muito confiante na graça divina, o Rev. Jaed não conseguiu esconder suas emoções ao falar dos momentos dramáticos que viveu desde a sexta-feira, dia 18 de junho.
Agradece a Deus por sua casa e família não terem sido atingidas, porém chora com a situação de suas ovelhas e da população de Barreiros e também da situação que se encontra o templo da igreja da qual é pastor.
Descreveu aos presentes na reunião do Projeto Repartir na tarde de hoje, como agiu defendendo diversas pessoas e em especial suas ovelhas, que com a graça divina, nenhuma veio a óbito, porém o mesmo não pode ser dito de outras pessoas, com quem lutou para que abandonasse suas casas antes da chegada da enchente. Muitas dessas, quando a situação piorou, teve que subir nos telhados e aguardar o resgate de botes ou helicópteros. Para alguns o resgate não chegou a tempo.
Para participar da nossa reunião em Recife, o Rev. Jaed teve que sair da cidade antes das seis horas e só poderá voltar depois das 21, pois o Exército está controlando do acesso à cidade. Barreiros fica a 107 Km da capital. Com dados de 2009, possui população de aproximadamente, 44 mil habitantes.
O Rev. Jaed informou que muitas famílias da igreja perderam seus bens, inclusive casas, móveis e todos os pertences.
Abaixo algumas fotos da Cidade e da Igreja Presbiteriana de Barreiros:


Rev. Jaed de bota, máscara e carro de mão,
na rua da Igreja Presbiteriana de Barreiros
Fachada do Templo Presbiteriano de Barreiros,
onde pode-se ver a lama e o lixo em frente


Rua que dá acesso a Igreja Presbiteriana de Barreiros


Púlpito e utensílios do templo do templo.
O nível da água chegou a 4 metros dentro do templo


Teto da Igreja. O foro foi destruído.
A água alcançou 30 cm acima dele.


Para ajudar, faça a sua doação na conta corrente descrita abaixo:




Nova postagem, a qualquer momento.


Em Cristo,

Rev. Marcos André Marques

MENSAGEM DO PROGRAMA VERDADE E VIDA

Recebi do Presbítero Daniel Sacramento a chamada que o Programa Verdade e Vida vai colocar no ar através da Rede TV, a partir de amanhã, dia 26 e que será veiculada durante os quatro programas de julho.

Considero extremamente importante a participação da equipe do Verdade e Vida apoiando e divulgando as ações que o Projeto Repartir, uma iniciativa das igrejas presbiterianas do grande Recife e da Igreja Presbiteriana do Brasil, tem tomado para capitanear toda ajuda humanitária, para assistir aos nossos irmãos presbiterianos e a população em geral, que sofreram com as chuvas em todo o estado de Pernambuco e Alagoas.

Partindo desse princípio, tomo a iniciativa de divulgar essa chamada do Programa Verdade e Vida, que também será postada no blog oficial do Projeto Repartir, que pode ser encontrado no endereço eletrônico: www.repartir-j1512.blogspot.com.





PROGRAMA VERDADE E VIDA

O Programa Verdade e Vida se associa a nossa IPB, CAS, CNE, SINODOS, PRESBITERIOS, IGREJAS DE PERNAMBUCO E DE ALAGOAS e lança um desafio para que passemos a Macedônia e ajudemos aos nossos irmãos Alagoanos e Pernambucanos vitimados pelas enchentes ocorridas nos últimos dias e que dentre outras coisas várias da nossas Igrejas desabaram ou foram levadas pelas muitas águas, além de casas pastorais , edifícios de educação religiosas, residências de vários pastores e de muitos irmãos que ficaram literalmente com a roupa do corpo.

O DESAFIO:

A partir desse domingo e durante todo o mês de julho a sua Igreja é desafiada a levantar uma oferta para socorrer os amados irmãos de Alagoas e Pernambuco, e depois deposite na conta da nossa Igreja Presbiteriana do Brasil conforme determinação da junta patrimonial:

BANCO BRADESCO
AGENCIA: 1230
CONTA CORRENTE: 25.641-2

SEGUE ABAIXO LINK DO PROJETO REPARTIR

         
E veja outras necessidades como você pode socorrer os domésticos da fé e a população em geral.

A nossa luta vai continuar após o socorro emergência, somos também desafiados a reconstruir os nossos Templos, casas pastorais, residências de irmãos e da população em Geral.
Cordialmente,

Programa Verdade e Vida
Pb. Daniel Sacramento
CNE-IPB


Aguarde novas postagens a qualquer momento.

Em Cristo,

Rev. Marcos André Marques

quinta-feira, junho 24, 2010

DOAÇÕES E DONATIVOS

Lembramos aos irmãos, que a Igreja Presbiteriana do Brasil disponibilizou uma conta única para que os irmãos de diversas partes do Brasil façam as suas doações em dinheiro. A centralidade das doações numa só conta facilitará a logística e o acompanhamento de toda movimentação através da Junta Patrimonial Econômica e Financeira, bem como do Conselho de Ação Social e Tesouraria  da Igreja Presbiteriana do Brasil, eis os dados da conta:


Para recebimento de donativo, encaminhar em Recife para o:

SEMINÁRIO PRESBITERIANO DO NORTE
Rua Demócrito de Souza Filho, 208 - Madalena
Recife-PE
Telefones: (081)3227.0986/9633.9893

Em Cristo Jesus,

Rev. Marcos André Marques.

REUNIÃO DO PROJETO REPARTIR

Pastores, líderes e voluntários estarão reunidos nessa sexta-feira, dia 25 de junho, às 15 horas nas dependências do Seminário Presbiteriano do Norte, situado à Rua Demócrito de Souza Filho, 208 - Madalena em Recife-PE.
Nesta reunião estará presente o Rev. Cephas Reinaux de Barros Jr., pastor da Igreja Presbiteriana de Palmares. Outros pastores dessas regiões, também foram convidados e podem estar presentes, além de irmãos presbíteros que exercem funções como oficiais da Polícia Militar de Pernambuco, que estarão dando sua parcela de contribuição ao Projeto Repartir.


Novas postagens a qualquer momento.

Lula anuncia R$ 550 milhões para Alagoas e Pernambuco

Importante notícias para os estados atingidos pelas chuvas. Notícia disponível no site: .http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/lula+anuncia+r+550+milhoes+para+alagoas+e+pernambuco/n1237679874168.html


Cada Estado receberá R$ 275 milhões para obras emergenciais. Governo federal quebra burocracia para liberar dinheiro imediatamente

Ricardo Galhardo, enviado a Palmares (PE) | 24/06/2010 15:16



FUNCIONAMENTO DO PROJETO REPARTIR

Os trabalhos de recepção, separação, organização e embalagem das doações estão sendo feitas por diversos voluntários que se apresentaram hoje pela manhã nas dependências do SPN, onde estão sendo centralizadas as doações dos presbiterianos na Região Metropolitana de Recife.

Muita coisa tem chegado, porém, necessitamos de muito mais. Produtos de limpeza são requisitados, porém no caso específico, pouco tem chegado. É necessário também lembrar que alimentos prontos para o consumo, é prioridade. Entre esses podemos destacar: Biscoitos, bolachas, enlatados, leite de caixas, sucos em garrafas, etc.

Hoje pela manhã chegou a Palmares o Caminhão Luz para o Nordeste da Sociedade Bíblica do Brasil. O Caminhão luz para o Nordeste é um caminhão ambulatório que se prestará a servir de base para que médicos, paramédicos, enfermeiros e pessoal da área possa trabalhar na assistência à saúde. Além disso, serão distribuídas Bíblias e porções bíblicas para a comunidade carente de esperança.
A AME, Associação Missão Esperança, através da sua presidente missionária Margaretha, enviará já neste final de semana uma equipe especializada para trabalhar em tragédias. Seu pessoal já trabalhou na Indonésia quando do tsunami, nos terremotos de Haiti e Chile, e nas chuvas de Santa Catarina, Rio de Janeiro e Teresina, entre outros.

Se Deus permitir, enviaremos ainda esta semana uma carrada de roupas e alimentos para a região atingida, além das remessas que já foram enviadas por muitos irmãos e igrejas.

Participe você também, desse projeto, trazendo sua doação de roupas, colchões, sapatos, alimentos, produtos de limpeza, etc., para o posto de coleta nas igrejas presbiterianas de todo o Grande Recife, ou trazendo-as para o SPN, que centralizará as doações e será o responsável pela distribuição aos necessitados. O Endereço de entrega é:

SEMINÁRIO PRESBITERIANO DO NORTE
Rua Demócrito de Souza Filho, 208 – Madalena
Recife-PE
Telefones: (081)3227.0986 – 9633.9893


Se você preferir pode fazer sua doação em dinheiro, para isso use a conta corrente destacada abaixo:





Aguarde novas postagens.


Em Cristo Jesus,


Rev. Marcos André Marques

quarta-feira, junho 23, 2010

CAS CONCLAMA TODAS AS IGREJAS A SE SOLIDARIZAR COM OS IRMÃOS QUE SOFRERAM PERDAS NOS ESTADOS DE ALAGOAS E PERNAMBUCO



A IPB (Igreja Presbiteriana do Brasil), através do CAS (Conselho de Ação Social), em parceria com o SPN (Seminário Presbiteriano do Norte) e os Sínodos Alagoas/Sergipe e os Sínodos do Estado de Pernambuco, conclamam a todas as Igrejas a se mobilizarem em prol da campanha de arrecadação de doações para as cidades atingidas pelas enchentes e desmoronamentos ocorridos nos estados de Alagoas (Rio Largo, União Palmares) e Pernambuco (Barreiros, Catende, Cortês, Palmares, Palmerina).

Por Presb. Clineu Francisco - Presidente. do CAS/IPB




Esclarecemos que nas cidades: Palmares-PE, Cortês, Palmerina e Escada-AL os templos foram totalmente destruídos bem como seus Pastores perderam seus bens. Conforme relato "Em Cortês o nosso templo presbiteriano, foi totalmente destruído e o Rev. Moacir Mauricio perdeu todos os seus bens.


Quanto a Palmares, a casa pastoral desmoronou e o Rev. Cephas Júnior perdeu todos os seus pertences,  já o templo está condenado pelo poder publico.


Na cidade de Escada a água levou todos os utensílios do templo e o Rev. 
Aldo Santana perdeu todos os seus bens e pertences".


Esclarecemos que as doações deverão ser encaminhadas aos endereços abaixo onde estarão centralizadas a coordenação e os responsáveis pelo envio das mesmas às igrejas das cidades atingidas pelas recentes chuvas.


Itens a serem arrecadados: alimentos não perecíveis, água, leite em pó, material de limpeza e higiene pessoal, colchão, roupas e calçados em bom estado, roupas íntimas novas para adultos e crianças, roupas de cama, mesa e banho, eletrodomésticos em perfeito funcionamento.

Contatos:



SPN - Seminário Presbiteriano do Norte
Rua Demócrito de Souza Filho, 208 – Madalena
CEP 64055-410
Recife – PE
Telefones:- (81) 3227-0145 e 3227-0986 ou (81) 96339893
E-mail: 
spn@ipb.org.br


IBN - Instituto Bíblico do Norte
Rua: Drs. Carmerina Vieira de Melo, 915, Heliópolis- Garanhuns (PE)
CEP: 55293-970
Telefone: (87) 3762-1678
E-mail: 
ibn@bluenet.com.br
Rev. Mariano



Fonte: www.ipb.org.br/portal/noticias/222

PREÇOS QUADRUPLICAM EM CIDADES AFETADAS PELAS ENCHENTES

Muito interessante a reportagem sobre o custo dos produtos após as enchentes no interior do estado de Pernambuco, coisa que dificulta ainda mais a situação na região. Veja a reportagem do IG.Último Segundo disponível no endereço:



A reportagem foi assinada por Ricardo Galhardo, enviado a Palmares e Água Preta (PE) em 23/06/2010 18:28.



Pacote de meio quilo de macarrão, que não custa mais de R$ 2, é vendido a R$ 4. O quilo do frango passou de R$ 5 para R$ 14

Alguns comerciantes das áreas atingidas pela chuva em Pernambuco e Alagoas estão cobrando preços até quatro vezes acima do normal por gêneros básicos de sobrevivência e lucrando em cima da tragédia alheia. Em Água Preta (PE), cidade devastada pela enxurrada do Rio Uma, uma vela era vendida a R$ 2 nesta quarta-feira.

No supermercado São José, um dos únicos poupados pelas águas na cidade, um quilo de charque cujo preço normalmente é de R$ 9 custava R$ 35. Um pacote de meio quilo de macarrão, que não custa mais de R$ 2, estava a R$ 4. O quilo de carne de frango passou de R$ 5 para R$ 14.
Os donos do estabelecimento foram procurados para explicar o aumento repentino dos preços mas não atenderam a reportagem do iG. Um dos funcionários do supermercado chegou a ameaçar a reportagem com uma barra de ferro.
“Estas pessoas estão roubando a população. O povo daqui já não tem dinheiro para pagar o preço normal, imagine estes absurdos que estão cobrando”, disse um funcionário da prefeitura que, minutos depois de conceder a entrevista procurou a reportagem para pedir que seu nome não fosse publicado. “Este povo é perigoso e manda na cidade”, justificou.
Em Palmares, outra cidade devastada pela chuva, a Polícia Militar precisou intervir para evitar a especulação em cima da água mineral, um dos produtos mais em falta nas áreas atingidas. 600%. A PM de Pernambuco foi informada e acabou com o cartel dos mototaxistas.
Em um trailer-lanchonete de Palmares o preço de um x-salada no cardápio era R$ 3,50. Na hora de pagar a conta, no entanto, o freguês é informado que o novo valor é de R$ 9. “É o preço. Se não quiser pagar a próxima lanchonete aberta fica a 17 quilômetros”, informou o rapaz do balcão.
Economia
A situação nestas cidades fica ainda mais grave por causa do colapso econômico. Em Água Preta e Palmares as economias pararam. “Trabalhar em que?”, perguntou Ronaldo José Rios. “O comércio, as fábricas e até as usinas estão paradas. O povo está sobrevivendo a custa das cestas básicas do governo ou da ajuda de um e outro”.
As características econômicas das cidades da Zona da Mata pernambucana é outro complicador. Quase um terço da população vive em função da atividade canavieira. Os “privilegiados” trabalham em empregos estáveis como a moagem de cana e produção de açúcar. Estes têm trabalho garantido o ano todo. A maioria trabalha apenas seis meses por ano, durante a safra , quando juntam dinheiro para sobreviver a outra metade do ano.
As chuvas pegaram estes trabalhadores justamente na entressafra. Os que tiveram suas casas atingidas pela enxurrada perderam todo o estoque de comida e tiveram que gastar as últimas economias para comprar produtos de emergência, muitas vezes por preços extorsivos.
“Todo o dinheiro que eu tinha deu para comprar aquilo ali”, disse o cortador de cana José Sílvio Lopes, de 25 anos, apontando para quatro sacolas de plástico com macarrão, tomate, charque, cebola, arroz, óleo, leite, pão e manteiga.
Ele, a mulher, três filhos e a sogra dividem um galpão abandonado à beira da BR-098, em Água Preta, com outras três famílias. Ali acomodaram tudo o que conseguiram salvar da enchente. Uma geladeira, armário, cabeceira da cama e televisão. “O resto foi embora”.
Lopes bem que tentou uma vaga em algum dos abrigos da prefeitura mas estavam todos lotados. Além disso ficou com medo de deixar os únicos pertences à mercê de ladrões que tem agido na região. “O botijão e uma bicicleta que acabei de comprar foram roubados na noite da enchente”, disse ele.
A dona-de-casa Maria José da Silva Ferreira, de 48 anos, que divide o galpão com a família de Lopes, não tinha nesta quarta-feira nada para comer. Viúva, ela vive com R$ 90 mensais do Bolsa Família mas perdeu os documentos na enxurrada e não pode sacar o adiantamento do benefício liberado na véspera pelo governo federal. “Fui na prefeitura para eles me darem um documento provisório, fiquei o dia inteiro lá mas ninguém resolveu meu problema. Todo mundo estava ocupado com a enchente. Hoje vou outra vez. Se não conseguir vou ter que pedir comida mais um dia”, lamentava.
Em um terreno baldio ao lado do galpão abandonado os caminhões da prefeitura despejavam o entulho retirado das ruas. Depois de cada descarga de lama preta com cheiro de esgoto e carniça, uma multidão de desabrigados, muitos deles crianças, começava a remexer o barro em busca de alguma coisa. O encontro de uma lata de salsichas ou de um pacote de biscoitos com a embalagem intacta era comemorado como se fosse uma pepita de ouro.
Aguarde novas notícias.

CHORAR COM OS QUE CHORAM OU CURTIR O FERIADÃO COM MUITA FARTURA?

De sábado para cá ouvi opiniões e li muitos e-mail e post de blogs, que expressavam indignação com a nossa apatia com as vítimas das chuvas no interior do estado.
No domingo de manhã após falar a Igreja Presbiteriana da Madalena em Recife sobre os fatos acontecidos no interior e apelar para que a igreja participasse ativamente, com doações e serviço voluntário, ouvi o Presbítero Petrônio Omar, de forma contundente, apelar para os irmãos que ao saírem da igreja, teriam um lugar para comer a sua picanha, maminha, ou algum prato especial, para que se compadecessem dos irmãos e semelhantes que em algumas cidades atingidas pelas chuvas não tinham lugar prá ir, não poderiam assistir o jogo do Brasil, nem tinham o que comer e beber.
Recebi e-mail do irmão Ivan Pereira Leitão que desabafava: “Boa tarde. Gostaria de saber como podemos mobilizar mais irmãos para sairem de seus sofás e da frente de suas LCD/HD e  irem ajudar aos desabrigados???”
O Pastor Renato Vargem em seu blog publicou uma crônica intitulada: A Tragédia de Alagoas e a Copa do Mundo, na qual ele desabafa: “Enquanto a vitória do Brasil estava sendo comemorada por milhões de brasileiros, helicópteros, jipes, botes e canoas ainda resgatavam pessoas dos municípios mais atingidos do Estado das Alagoas” (veja texto completo no endereço: http://renatovargens.blogspot.com/).
Hoje, quarta-feira, dia 23 de junho de 2010, muitos irmãos já fizeram suas malas, encheram seus carros de mantimentos e se mandaram para suas casas de praia, campo, chácaras, etc., sem ao menos se lembrarem dos que sofrem.
Irmãos apelo para suas consciências a fim que vocês lembrem-se dos que sofrem. Eles são nossos irmãos e estão passando necessidades. Façam suas viagens. Alimentem-se do melhor que Deus deu a vocês. Descansem o quanto puderem, mas lembrem-se dos que estão sofrendo. Que não puderam viajar porque perderam tudo. Que não têm mais o conforto de um lar organizado. Que não têm o que vestir, calçar, e até onde dormir confortavelmente e se alimentar.
O PROJETO REPARTIR manterá nesse feriado, o atendimento para recepção de donativos, no endereço do Seminário Presbiteriano do Norte, que fica situado a Rua Demócrito de Souza Filho, 208 – Madalena, Recife-PE. Traga a sua doação, pois nós estamos prontos para recebê-la. Se desejar trabalhar como voluntário(a) na separação, organização e embalagem dos materiais recolhidos, compareça ao SPN no endereço informado acima.

Até já com novas informações.

Em Cristo Jesus,


Rev. Marcos André Marques.

DOAÇÕES E VOLUNTÁRIOS

Embora muita coisa já tenha chegado como doação das igrejas de Recife, ainda necessitamos de muito mais. você pode doar: água mineral, roupas, sapatos, colchões, lençóis, entre outras coisas ou ainda, fazer sua doação em dinheiro para:


As doações em gêneros alimentícios, roupas, produtos de limpeza, colchões ou outro tipo qualquer, pode ser endereçada a qualquer igreja presbiteriana, ou remetida ao Seminário Presbiteriano do Norte, situado à Rua Demócrito de Souza Filho, 208 - Madalena, Recife-PE.

Abaixo algumas fotos das doações que começaram a chegar e do pessoal voluntário.
Informamos ainda a todos os nossos leitores e seguidores, que o Seminário Presbiteriano do Norte vai abrir  as suas portas nesse feriado, para receber todas as doações que porventura cheguem nesta quinta-feira. Os nossos voluntários estarão a posto para recebê-los e ao mesmo tempo estarão separando e organizando o material recebido.









NOVOS FATOS E FOTOS DA IGREJA DE PALMARES

O Presbítero Lúcio da Igreja de Palmares nos enviou novas fotos da situação em que a igreja se encontra, após o nível das águas baixarem. Como noticiado anteriormente, o prédio onde funcionava uma escolinha, salão de recepção e também a casa pastoral foi completamente destruído. O Rev. Cefas Jr. teve perda total dos seus bens e pertences.

O templo, embora pareça normal estruturalmente falando, carece de perícia com a finalidade de saber exatamente quais as suas condições. Numa paisagem desoladora, Pode-se ver nas paredes estampados, o nível em que a água chegou. O Rev. Cephas informou que dentro do templo atingiu 3 metros. Algo realmente terrível.

Um detalhe extra que confirma o Governo de Deus sobre todas as coisas, através da sua Providência, foi que o Rev. Cephas, juntamente com sua esposa e suas duas filhas, tinham viajado para Vitória de Santo Antão, poucas horas antes do acontecido, e assim tiveram suas vidas poupadas. Glória seja dada ao nome do Senhor.

De forma emocionada foi o e-mail enviado pelo Rev. Lamartine Santana, pastor da Igreja Presbiteriana de Pombos e atual Presidente do Presbitério Sul. Ele informou:

Graça e paz Rev. Marcos André,
As chuvas que caíram em nossa região alcançaram também a casa do Rev. Rubens Rodrigues, pastor da 2ª Igreja Presbiteriana dos Palmares que também perdeu todos os bens. No caso do pastor Rubens o caso ainda tem um agravante que é o fato de sua esposa estar grávida e prestes a dá a luz (29/09).
Por isso, é imprescindível que levantemos recursos financeiros para os pastores desabrigados para que eles aluguem uma casa e comprem os móveis fundamentais, para morarem. Os pastores nesta situação, além do reverendo Rubens Rodrigues, são os reverendos: Aldo José, Cephas Reinaux e Moacir Mauricio.

Abaixo outras fotos do interior da Igreja Presbiteriana de Palmares, fornecida pelo Presbítero Lúcio.


PROJETO REPARTIR

Irmãos de várias partes do Brasil têm ligado informando que estão mobilizados e fazendo campanhas para ajudar as vítimas da tragédia causada pelas chuvas.
Entre essas ligações destaco: Campinas, através do Presbítero Ricardo Rocha, Secretário Executivo da Junta de Missões Nacionais; São Bento do Una, Rev. Zenaldo Nunes, Presidente do Presbitério do Agreste de Pernambuco; Recife, Rev. Leonardo, Secretário Executivo do Presbitério Centro de Pernambuco, Manaus-AM, Rev. Jaime Marcelino, Luiz Augusto Bueno do Presbitério Centro de Pernambuco, São Paulo-SP, Miss. Margareth da Associação Missão Esperança, especializada em trabalho com catástrofes, entre outros.
Todos têm se mobilizado e já trabalham na divulgação e recepção de donativos para serem enviados até o nosso estado.
Reforçamos a idéia da centralização das doações em dinheiro, em conta corrente específica e exclusiva para esse fim e mais uma vez informamos os dados dessa conta:


Outra informação importante; PROJETO REPARTIR é o nome dado a partir de hoje as ações da IPB na região, em auxílio aos necessitados.
O texto básico do projeto é: “O meu mandamento é este: que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei”. Jesus Cristo (João 15.12).
Outra novidade é que agora temos um blog oficial para o Projeto Repartir, cujo endereço eletrônico é: www.repartir-jo1512.blogspot.com. Nele você vai encontrar toda a movimentação registrada oficialmente das ações do projeto. É Claro que eu também continuarei postando comentários e informações para cada acontecimento, mas o blog oficial passa a ser o informado acima.



Até já com outras notícias.

Em Cristo,

Rev. Marcos André marques

LinkWithin